Curiosidades

[Curiosidades][bsummary]

Ciências

[Ciência][twocolumns]

Diversos

[Diversos][bleft]

8 Coisas que você faz todos os dias que poderia mata-lo



Não quero te deixar paranoico ou coisa do tipo, mas cada vez que sai de você está a mercê da morte. Na verdade, você não precisa nem sair, muita coisa poderia dar errado no conforto da sua própria casa.

Claro, suas chances de ter uma morte rápida e dolorosa aumentam de acordo com a quantidade de atividades de risco que você faz. Por exemplo, alguém que arrisca sua vida constantemente entrando em prédios em chamas provavelmente vai enfrentar mais riscos do que alguém que fica sentado na frente de um computador, entretendo, existem coisas que fazemos todos os dias e que poderiam ser mortais.

Tudo, desde a sua maratona noturna na Netflix até as farras em baladas. Cada coisa que você faz pode te matar ou diminuir a sua expectativa de vida.

Não se assuste, você provavelmente vai ficar bem se utilizar "tudo com moderação" - a toxicidade de certas coisas afeta seu organismo e diminui a sua "vida útil", mas uma hora ela passa até você repetir a dose.

Então você provavelmente ficará bem. Provavelmente. Porém é melhor prevenir do que remediar, não é?

Vamos a nossa lista de 8 coisas que poderiam te matar e mesmo assim você faz todos os dias.




1. INGERIR BEBIDAS ALCOÓLICAS

Não é exatamente segredo de Estado que beber álcool faz mal para sua saúde, mas, para pessoas que não estão acostumadas a beber e até aqueles que costumam beber além da conta, a dose fatal pode ser extremamente pequena.

De acordo com o CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças), cerca de 88.000 americanos morreram por ter consumido álcool entre 2006 e 2012. Causa da morte? Envenenamento por álcool.

Ainda de acordo com o CDC, qual seria a dose fatal? Cerca de 13 copos (45 ml, 40% ABV¹) ingeridos.

Isso é, obviamente, muita bebida alcoólica. Claro que a dose varia de pessoa para pessoa dependendo de fatores como altura, peso, sexo, etc.
Mas também soa como o tipo de sessão que o seu companheiro Deano iria se retratar depois de acordar em um abrigo de ônibus telhado  sans pantalon .

Em níveis fatais na corrente sanguínea, o álcool irá impedir funções corporais essenciais de, digamos, funcionarem. Isso inclui coisas como respiração e função cognitiva, levando à insuficiência respiratória, coma e morte.



2. TIRAR SELFIES

Ok, tirar selfies não é mais perigoso que andar com estes aparelhos que vez ou outra explodem no bolso. Entretanto, a selfie tem causado um grande número de mortes estúpidas pelo mundo, por isso podemos chama-la de "causa".

Desde a sua ascensão meteórica e popularidade que cresce a cada dia, algumas pessoas buscaram grandes altitudes e enfrentaram grandes riscos tentando tirar a foto perfeita para o instagram. Até agora, só em 2016, selfies provocaram a morte de pelo menos nove pessoas (e um golfinho), muitos se afogaram ou caíram de prédios na tentativa da selfie perfeita.

O Wikipedia até possui uma lista informal de mortes relacionadas com selfie que pode te ajudar a ter uma ideia da estupidez humana.

Enquanto a maioria das pessoas são baleadas acidentalmente, atropeladas por veículos, caem de grandes alturas ou são puxadas pela maré, existem também relatos de pessoas que tentam posam com animais perigosos como ursos, cobras e touros muito furiosos.




3. BEBER ÁGUA

Não estamos falando de afogamentos, você pode beber muita água e morrer por isso. A intoxicação por água, causada pelo excesso no consumo do liquido, basicamente, deixa seus eletrolíticos desbalanceados, causando uma perturbação da função cerebral.

Qualquer estudante do ensino médio sabe que a água entra nas células por osmose. Ao consumir grandes quantidades de água, o fluido exterior da célula ficam com eletrolíticos significativamente menores (isto é, sal) do que os níveis no interior, causando uma mudança completa dentro de você e fazendo com que as células inchem. Esta é uma péssima notícia, especialmente se estas células incharem em alguma área do seu cérebro.

Quando o cérebro incha, a pressão em sua cabeça aumenta. Isto irá causar dor de cabeça, sonolência e desorientação. Se a pressão se acumular no tronco cerebral, seu sistema nervoso central será desligado, e a circulação sanguínea será cortada, o que irá te conduzir para um edema cerebral.

E um edema cerebral é seriamente desagradável, levando a convulsões, danos cerebrais, coma ou morte.




4. FAXINA

A limpeza adequada é a forma ideal de manter tudo limpo e em seu devido lugar, mas também é um campo minado para você.

Muitos dos produtos que você usa para a limpeza são muito fortes, tóxicos e não se dão bem misturados um com o outro. Principalmente quando se trata de dois dos produtos químicos de limpeza mais comuns: lixívia e amoníaco.

Bleach (o produto, não o anime) é ótimo para limpar aquela crosta de sujeira que ficou presa no molde do chuveiro, mas quando ele é misturado com produtos que contenham amônia, a dupla produzem um gás tóxico chamado vapor cloramina. Isto é particularmente perigoso em um ambiente fechado como, digamos, um banheiro.

Respirar esse vapor pode corroer suas vias aéreas causando um inchaço tão extremo irá bloquear sua respiração fazendo com que você corra o mais rápido possível para o hospital onde o médico irá fazer um buraco no seu pescoço para que você possa voltar a respirar normalmente. Caso você não consiga chegar no hospital a tempo, adeus.




5. BEBER CAFÉ

O café pode ser um salva-vidas em reuniões na segunda de manhã, mas também é uma droga. A dose letal real de cafeína é de cerca de 150 miligramas (mg) por quilograma (kg) de seu corpo, traduzindo-se em cerca de 70 copos médios de café, mas isso, obviamente, depende do seu tamanho, o tipo de café e quaisquer condições médicas subjacentes.

Enquanto a quantidade de café suficiente para matá-lo pareça ser algo inviável, houve um grande número de casos documentados de morte por bebida energética. Em 2007, um homem australiano de 28 anos de idade, teve uma parada cardíaca depois de beber apenas sete latas de bebida energética ao longo de um período de sete horas. Em 2011, uma menina de 14 anos sofreu um ataque cardíaco fatal após ter bebido apenas duas latas de bebida energética.




6. FICAR ACORDADO ATÉ TARDE

Estando em uma geração privada de sono, se torna benéfico saber os efeitos de não fechar os olhos por longos períodos.

Os efeitos da privação de sono são muitos e variados. Isto pode aumentar o risco de diabetes, câncer, doenças cardíacas e até obesidade, bem como ser um fator que contribui para aproximadamente 40.000 acidentes rodoviários por ano.

Então quanto tempo realmente leva para morrer de privação de sono?

Embora nunca houvera um estudo científico formal sobre isso, uma condição conhecida como Fatal Familial Insomnia (Insonia Fatal Familiar) revelou que na verdade é possível morrer se você não dormir corretamente durante cerca de quatro meses seguidos.

Esta condição rara torna seus portadores incapazes de ter sono. Começando com insônia e ansiedade, o doente torna-se cada vez mais desorientado e indiferente. A pressão arterial e a frequência cardíaca do aumentam e função cognitiva é desligada.




7. CRESCER

Pessoas altas podem ser capazes de alcançar lugares altos e ficarem estilosas em qualquer tipo de roupa, além de serem mais propensas a ser mais inteligentes e ganhar mais dinheiro que baixinhos, mas elas vão morrer mais cedo, então, quem realmente está tendo vantagens aqui?

Maior altura coloca maior demanda sobre o corpo, e pesquisas mostram que os pulmões de pessoas mais altas não funcionam tão eficientemente como o de pessoas baixas. Elas também são mais propensas a sofrer de doenças cardiovasculares, coágulos sanguíneos recorrentes e câncer. Estima-se que um acréscimo de 10,16 cem de altura aumenta em 13% o risco de cancro em mulheres na pós-menopausa.

pessoas mais baixas têm menos células (ou seja, poucas chaces de ter cancro), seus corpos são mais compacto e eficientes, e há menos estresse em seus sistemas vitais.

Calcula-se que, considerando todos os fatores, a cada 2,54 cm acima de 1,52 m representa uma diminuição da expectativa de vida em cerca de 1,3 anos.




8. ABSOLUTAMENTE NADA

Você poderia fazer tudo certo. Viver em uma dieta de suco de deusa totalmente orgânico, fazer caminhadas de 16 km diariamente e possuir todas as suas vacinas em dia, e ainda cair morto sem nenhum motivo durante a sua sessão de pilates semanal.

Síndrome de Morte Adulta Inesperada ou Síndrome da Morte Súbita Arrítmica (SMSA)  é exatamente o que parece: a parada cardíaca súbita de pessoas aparentemente saudáveis, muitas vezes jovens,.

Poderia haver uma série de causas subjacentes, principalmente uma fraqueza congênita no coração, que fará com que zero problemas de saúde te faça viver completamente despreocupado, até que de repente te mata.

Como a condição é muitas vezes apenas registrada como "causas naturais", não podemos ter certeza de quantas pessoas morrem de SMSA, mas com isso em mente, pode ser uma boa ideia aproveitar esse dia um pouco mais.

Glossário:
¹ ABV: Alcohol by Volume, ou álcool por volume. É a medida de álcool na cerveja. De maneira geral, são classificadas como cervejas de baixo teor alcoólico as que variam entre 0,5 – 2,0%. De médio teor entre 2,0 – 4,5%. Cervejas acima de 4,5% são consideradas de alto teor alcoólico.

Fontes: 
Faxina, The New England Journal of Medicine 
What Culture, Site
O restante está no texto

Nenhum comentário: